domingo, 19 de maio de 2013

HISTÓRIA DA ÁFRICA: A TRAGÉDIA DA INTERVENÇÃO EUROPEIA


Até pouco tempo, as pessoas custavam a acreditar que a África um dia tivesse erguido civilizações. Mas hoje sabe-se que o continente africano foi berço da raça humana e o palco de algumas das nossas primeiras expressões culturais. A partir de 1960, o saber sobre os egípcios resgato-os de sua condição "asiática", trazendo à tona a sua face africana. Face, aliás, que já era conhecida pela Grécia, que via as conquistas desse povo como uma dádiva do Nilo, rio que nasce no coração do continente.

Da mesma forma, escritos árabes evocam um rico passado na África medieval. Desde os grandes descobrimentos porém, a África foi sendo desestruturada até a quase total destruição. E isto não por serem os africanos incapazes de construir civilizações, e sim por circunstâncias meramente históricas. 

Certamente, as principais causas dessa desestruturação e as faces das circunstâncias meramente históricas são a tragédia africana do tráfico de escravos e os séculos de exploração econômica exercida pelo principais países europeus.

Nenhum comentário: