sábado, 20 de julho de 2013

PROJETO O INDIVÍDUO E A HISTÓRIA: AULA 1


CONTEXTO HISTÓRICO

Podemos dizer que contexto histórico é apenas "a fase", as condições e aspectos que marcam uma época e que possibilita a ocorrência de fatos específicos. Fatos que, dificilmente se repetem no futuro em iguais condições e aspectos.

Em resumo, contexto histórico é o conjunto de condições que possibilita ocorrência de vários fatos.



Ex1: ILUMINISMO
(movimento cultural da elite intelectual europeia do século XVIII que procurou mobilizar o poder da razão, a fim de reformar a sociedade e o conhecimento herdado da tradição medieval

Contexto histórico do Iluminismo: Desenvolvimento industrial, contestação às monarquias absolutistas e a falta de direitos e liberdades individuais. Contestação também de valores feudais como os privilégios do clero, da nobreza e o misticismo da sociedade.


Ex. 2: PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

Contexto histórico: rivalidades entre os principais. países europeus, disputa por territórios e mercados consumidores


Ex: 3: SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

Contexto histórico: crise econômica europeia, regimes totalitários, expansão territorial dos nazistas.


Ex 4: A ATUAL ONDA DE PROTESTOS QUE OCORRE NO BRASIL

Contexto histórico: insatisfação popular em razão da impunidade, altos impostos, gastos com eventos esportivos internacionais, corrupção.


Percebemos facilmente que os fatos são consequências do contexto histórico. Contexto histórico não é algo distante de nós, cada contexto é único e nós podemos intervir nele.


Atividade: Qual o contexto do bairro e (ou) da cidade onde você mora? Quais fatos podem ocorrer por causa desse contexto? O que você pode fazer para intervir no contexto e nos fatos?

terça-feira, 9 de julho de 2013

TEATRO "JULGANDO HITLER": Dicas para os promotores


Acusar Hitler não é uma tarefa difícil, dado todos os crimes que a ele, líder máximo do nazismo, são atribuídos. Para facilitar os trabalhos e a preparação da acusação, seria bom dividir a acusação em três temáticas:

1- A raça ariana: A ideia da superioridade da raça ariana como fator desencadeador de preconceitos: Aqui o promotor vai se concentrar no racismo na perseguição a comunistas, a negros, a homossexuais e aos próprios judeus.

 2- As atrocidades que Hitler cometeu durante a Segunda Guerra Mundial. Aqui o promotor deve citar práticas como as dos campos de extermínio e a morte de milhões de judeus. Deve também citá-lo como o principal responsável pela guerra que se tornou a maior catástrofe da história da humanidade.

3- Os efeitos do nazismo atualmente: Aqui o promotor defenderá que Hitler foi tão nocivo que mesmo depois de morto ainda é capaz causar destruição na sociedade. Essa parte do debate é sobre os grupos neonazistas que saem pelas ruas inclusive no Brasil perseguindo mendigos, homossexuais e negros. 

Boa sorte! qualquer dúvida ou sugestão, pode ser enviado ser comentado  nessa mesma postagem 

TEATRO "JULGANDO HITLER": Dicas para os advogados



Defender Hitler não é uma tarefa fácil. Mas se ele fosse para o tribunal hoje, teria direito a um advogado. Eis aí algumas dicas para vocês então.

Para não haver conflitos, vocês serão divididos em três temáticas:

1: Hitler na Áustria: Quem ficar com esse tema, irá analisar a vida de Hitler ainda na  Áustria, período em que ele era um artista buscando reconhecimento da sua obra. Destaque aqui a sua habilidade e o aparente direcionamento para o bem. Para entender melhor leia o artigo no endereço eletrônico http://www.nuevorden.net/portugues/e_32.html.

2: Hitler durante a Segunda Guerra Mundial: Quem ficar com essa parte defenderá a ideia de que Hitler não cometeu todas aquelas atrocidades sozinho. Ele teve colaboradores e o apoio de boa parte do povo alemão. E ainda que ele fosse o comandante, o povo reunido tinha o poder de tirá-lo do poder, ou não segui-lo tão fielmente.

3: O neonazismo: Quem ficar com essa parte vai usar a existência de grupos neonazistas, mesmo depois de tanto tempo da morte de Hitler e da derrota do nazismo, para reforçar a ideia de que Hitler não foi o único responsável por tudo de ruim que ocorreu na Europa e no mundo. A final de contas, os neonazistas não dependem de Hitler para praticar os atos absurdos que eles cometem. Faça uma pesquisa sobre grupos neonazistas e suas ações, selecione algumas imagens para mostrar no Tribunal

Qualquer dúvida ou sugestão pode ser feita no comentário a essa postagem.

Boa sorte!!